Logo Agilfarma Medicamentos

Anastrozol 1Mg 28Cp (G)

Princípio Ativo: Anastrozol

Laboratório: Eurofarma

Bula do Medicamento

Retornaremos a sua solicitação o mais breve possível, com as informações solicitadas, nos canais de comunicação que nos forem fornecidos nas etapas seguintes. É importante conferir os contatos inseridos antes de enviar a solicitação.

Anexe no formulário a receita fornecida pelo seu médico.

Disponível por encomenda

Descrição

Anastrazol 1Mg 28Cp (G)

Princípio ativo:
Anastrozol

Para que este medicamento é indicado?
Tratamento do câncer de mama inicial em mulheres na pós-menopausa. Os benefícios do tratamento com anastrozol foram observados em pacientes com tumores receptor hormonal positivos.

Redução da incidência de câncer de mama contralateral em pacientes recebendo anastrozol como tratamento adjuvante para câncer de mama inicial.

Tratamento do câncer de mama avançado em mulheres na pós-menopausa.

Como funciona?
O anastrozol é um potente inibidor não-hormonal da aromatase e altamente seletivo. Em mulheres na pós menopausa, o estradiol é produzido primariamente a partir da conversão da androstenediona em estrona através do complexo enzimático aromatase nos tecidos periféricos. Subsequentemente, a estrona é convertida em estradiol. Foi demonstrado que a redução dos níveis de estradiol circulante produz um efeito benéfico em mulheres com câncer de mama. Nas mulheres na pósmenopausa, anastrozol em dose diária de 1 mg, produziu supressão do estradiol superior a 80%, usando-se um método altamente sensível.

Contraindicações;
Anastrozol não deve ser utilizado nos seguintes casos:

O anastrozol é contraindicado para grávidas, lactantes e pacientes com hipersensibilidade ao anastrozol ou a qualquer outro componente da fórmula.

Categoria de risco na gravidez:
Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou que possam ficar grávidas durante o tratamento.

Superdose:
A experiência clínica com a superdosagem acidental de anastrozol é limitada. Não existem relatos onde a paciente tenha tomado dose superior a 60 mg. Não foram observados efeitos tóxicos nem efeitos adversos clinicamente relevantes.

Toxicidade aguda foi observada em animais com dose superior a 45 mg/kg (equivalente a 2,7 g). Foram realizados estudos clínicos com várias doses de anastrozol, até 60 mg em dose única, administrada em voluntários sadios do sexo masculino, e até 10 mg por dia, administrados em mulheres na pós-menopausa com câncer de mama avançado. Essas doses foram bem toleradas. Não foi estabelecida uma dose única de anastrozol que resulte em sintomas que ponham a vida em risco.

Não existe nenhum antídoto específico contra a superdosagem e o tratamento deve ser sintomático. No tratamento de uma superdosagem, deve-se considerar a possibilidade de que múltiplos agentes possam ter sido tomados. Pode-se induzir o vômito, se a paciente estiver desperta. A diálise pode ser útil, porque anastrozol não apresenta uma elevada ligação às proteínas. Estão indicadas medidas gerais de suporte, incluindo a monitorização frequente dos sinais vitais e a observação estreita da paciente.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Anastrozol 1Mg 28Cp (G)”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *