Logo Agilfarma Medicamentos

Diu Cobre Optima Tcu380A Injeflex In. Com. Disp. Prod. Medicos Lt

Princípio Ativo:

Laboratório:

Retornaremos a sua solicitação o mais breve possível, com as informações solicitadas, nos canais de comunicação que nos forem fornecidos nas etapas seguintes. É importante conferir os contatos inseridos antes de enviar a solicitação.

Anexe no formulário a receita fornecida pelo seu médico.

Disponível por encomenda

Descrição

Diu Tcu 380A
Dispositivo Intrauterino de Cobre

Advertência:
A usuária deve estar ciente das características deste método contraceptivo, sobre seus possíveis efeitos colaterais, segurança, e de quando deve ser removido. Um folheto informativo para a paciente acompanha o DIU TCu 380A – FURP para ajudá-la a conhecer o produto. É necessário oferecer orientação individual adicional.

Como funciona:
O DIU TCu 380A impede o encontro dos espermatozoides com o óvulo, porque o cobre mata ou imobiliza os espermatozoides impedindo a sua movimentação dentro do útero, o que impede a fecundação (O encontro do espermatozoide com o óvulo).

Indicação e uso pretendido:
O DIU TCu 380A – FURP é indicado como contraceptivo intrauterino para mulheres que não apresentam contraindicações ao método e após receberem orientação apropriada sobre todos os métodos anticoncepcionais. É indicado para úteros normais com histerometria de 6 a 9 cm.

O DIU TCu 380A – FURP não deve ser mantido por mais que 10 anos após ser inserido na cavidade uterina.

Contraindicações:
O DIU TCu 380A – FURP não deve ser inserido quando uma ou mais das seguintes condições existirem:

  •  Gravidez ou suspeita de gravidez
  • Infecção pélvica aguda ou subaguda
  • Infecção puerperal nos últimos 3 meses
  • Após aborto séptico nos 3 meses anteriores à inserção
  • Sangramento genital de etiologia desconhecida
  • Malignidade uterina conhecida ou suspeita por citologia oncológica
  • Doença inflamatória pélvica atual ou nos últimos 3 meses
  • Doenças sexualmente transmissíveis, atual ou nos últimos 3 meses, incluindo cervicite purulenta
  • Doença trofoblástica gestacional maligna ou benigna
  • Má-formação uterina congênita
  • Anomalias da cavidade uterina, congênitas ou adquiridas, incompatíveis com a permanência do DIU contendo cobre
  • Tuberculose pélvica
  • Entre 48 horas a 4 semanas após o parto ou aborto
  • Um DIU previamente inserido que não tenha sido removido

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Diu Cobre Optima Tcu380A Injeflex In. Com. Disp. Prod. Medicos Lt”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *